Estado recebe mais 376 mil doses de vacina contra influenza

Dentro da Campanha Nacional de Vacinação contra a influenza (influenza A-H1N1, influenza A-H3N2 e influenza B), a Secretaria da Saúde recebeu do Ministério da Saúde, nesta segunda-feira (30/3), mais 376 mil doses de vacinas.

Este novo lote está sendo encaminhado para as 19 Coordenadorias Regionais de Saúde (CRSs) para distribuição entre os municípios. A secretaria municipal de Saúde de Porto Alegre deve receber 67 mil doses ainda nesta segunda.

Este já é o terceiro carregamento de doses enviado ao RS. O segundo lote, de 450 mil doses, para atender a primeira etapa da campanha destinada a idosos e trabalhadores de saúde foi entregue na última segunda-feira (23/3).

Como se trata de um imunobiológico, a distribuição é feita em etapas, de acordo com a capacidade de armazenamento nos Estados e municípios. O cronograma de entrega segue critérios técnicos e o envio é realizado nos quantitativos necessários para atender o cronograma e as etapas de vacinação por faixas etárias do público-alvo da campanha.

Com este novo lote, até agora, um total de 1 milhão e 276 doses de vacinas já foram enviadas ao RS pelo Ministério da Saúde para imunizar o público-alvo desta primeira etapa, estimado em 1.467.957 habitantes.

Clique aqui para acompanhar as doses aplicadas por grupos prioritários

Grupos prioritários e doses destinadas conforme estimativa do número de pessoas:

  • Início: 23/3

Pessoas com 60 anos ou mais: 1.467.957 doses
Trabalhadores da saúde: 315.089 doses

  • Início: 9/4

Crianças de 6 meses a menores de 2 anos: 212.244 doses
Crianças 2 a 4 anos: 387.607 doses
Crianças de 5 anos: 134.914 doses
Gestantes: 106.124 doses
Puérperas (pós-parto): 17.435 doses
Indígenas: 24.154 doses
Adultos dos 55 aos 59 anos:588.382 doses
Pessoas privadas de liberdade: 23.351 doses
Funcionários sistema prisional: 7.353 doses

  • Início: 16 de abril

Doentes crônicos: 969.736 doses
Professores:110.359 doses
Forças de segurança: 40.810 doses

TOTAL: 4.405.515

Foto: Neusa Jerusalém / SES

Texto: Ascom SES 
Edição: Secom